Atletas de Brasil, Etiópia, Quênia e Tanzânia estarão na categoria.
Prova será no dia 4 de dezembro, a partir das 7h43.

 

Uma das mais importantes provas de rua do país, a 18ª Volta Internacional da Pampulha será a atração no próximo domingo, dia 4. Milhares de corredores percorrerão os 17,8 km em torno da Lagoa da Pampulha, ponto turístico de Belo Horizonte (MG), em busca do primeiro lugar em suas categorias ou apenas fazer parte de um grande evento. A Volta da Pampulha é o grande teste antes da Corrida de São Silvestre e, por isso, atrai sempre destaques dos cenários nacional e internacional. Neste ano, a Elite, masculina e feminina, reunirá corredores do Brasil, Quênia, Etiópia e Tanzânia, confirmando sua força e tradição.

A largada será na Avenida Octacílio Negrão de Lima – Praça de Iemanjá, na Lagoa da Pampulha, partir das 7h43, com a categoria Cadeirante. A série de largadas ainda terá a Elite feminino, às 7h45, e a Elite masculino, o Pelotão Premium, Atleta com Deficiência e  Pelotão Geral, que  começarão a prova a partir  das 8h.

O Brasil domina a prova masculina nos últimos anos, com o mineiro Giovane dos Santos vencedor em 2012, 13, 14 e 15. Para tentar acabar com o domínio dos brasileiros, sete estrangeiros estarão na prova, alguns com bastante experiência em provas no país: Paul Koech Kimutai (Quênia), campeão da Maratona Internacional de São Paulo deste ano;  Mathew Kiptoo Cheboi (Quênia), quinto na Meia Maratona Internacional de São Paulo 2016; Dominic Pkemoi Cheronges (Quênia); Getu Kure Mideksa (Etiópia), sexto na Volta Internacional da Pampulha 2015; Augustine Paulo Sulle (Tanzânia); Saidi Juma Makula (Tanzânia) e Eliya Daudi Sidame (Tanzânia), vice na Meia Maratona de São Paulo em 2014.

No feminino, Joziane Cardoso venceu em 2014, foi terceira no ano passado e chega em 2016 para tentar mais um resultado positivo. Suas principais adversárias do exterior serão Leah Jerotich (Quênia), terceira na Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro 2016; Jackline Juma Sakilu (Tanzânia), vice-campeã da Corrida Internacional de São Silvestre em 2012;  e Angelina Daniel Tsere (Tanzânia), vice-campeã da Corrida Eu Atleta 10K.

Entrega de kits

A retirada do kit de participação, feito em conjunto com a entrega do chip cortesia, tem novo local este ano: o Estádio Governador Magalhães Pinto – Mineirão, na Av. Antônio Abrahão Caran, 1001,  Bairro São José, Belo Horizonte. No dia 2 de dezembro o período de retirada será das 9h às 20h, enquanto no dia 3 será das 9h às 18h. Não haverá entrega de kit de participação no dia do evento e nem após o término do mesmo.

Resultados da 17ª edição:

Masculino
1) Giovani dos Santos (BRA), 52min32seg
2) Joseph Panga (TZA), 52min36seg
3) Dickson Cheruiyot (QUE), 52min38seg
4) Solonei da Silva (BRA), 53min22seg
5) Joseph Aperumoi (QUE), 53min23seg

Feminino
1) Natalia Sulle (TZA), 1h03min55seg
2) Gladys Kemboi (QUE), 1h03min56seg
3) Joziane Cardozo (BRA), 1h04min45seg
4) Valdilene Silva (BRA), 1h04min50seg
5) Sueli Pereira da Siva (BRA), 1h04min53seg

Cadeirantes

Masculino
1) Heitor dos Santos (BRA), 44min33seg
2) Fernando Rocha (BRA), 49min50seg

Feminino
1)  Aline Rocha (BRA), 45min22seg
2) Maria de Fátima Chaves (BRA), 49seg50seg

Campeões da Volta da Pampulha

2015 – Giovani dos Santos (BRA), 52min32seg/Natalia Sulle (TZA), 1h03min55seg
2014 – Giovani dos Santos (BRA), 53min51seg/Joziane Cardoso (BRA), 1h02min42seg
2013 – Giovani dos Santos (BRA), 53min15seg/Maurine Kipchumba (QUE),1h01min27seg
2012 – Giovani dos Santos (BRA), 57min04s/Maurine Kipchumba (QUE), 1h07min08s
2011 – Barnabas Kiplagat(QUE), 53m09s /Nancy Kipron(QUE), 1h02m41seg
2010 – Barnabas Kiplagat(QUE), 54min08s/ Bornes Kitur(QUE), 1h05min12seg

2009- Nicholas Koech(QUE), 52min48s/Paskalia Chepkorir (QUE), 1h00min39s (recorde)
2008 – Nicholas Koech (QUE), 53min05s/ Nancy Kipron (QUE), 1h02min23s
2007 – Franck Caldeira, 53min13s/ Nancy Kipron (QUE), 1h02min41s
2006 – Franck Caldeira, 53min52/Lucélia Peres, 1h02min14
2005 – Lawrence Kiprotich (QUE), 52min23s (recorde)/ Lucélia Peres, 1h00min57s
2004 – Lawrence Kiprotich (QUE), 53min53s/ Lucélia Peres, 1h03min14s
2003 – Franck Caldeira, 52min49s/ Salina Kosgei (QUE), 1h02min20s
2002 – Vanderlei Cordeiro, 53min10s/ Márcia Narloch, 1h02min28s
2001 – David Cheruyiot (QUE), 53min07s/ Zeferina Baldaia, 1h02min12s
2000 – David Cheruyiot (QUE), 53min13s/ Cleuza Maria Irineu, 1h01min48s
1999 – Vanderlei Cordeiro, 52min30s/ Cleuza Maria Irineu, 1h02min05s
Mais informações no site.

Relacionados

comentários