Mineiro conquistou a Volta Internacional da Pampulha pela quinta fez seguida.
No feminino, Angelina Tsere venceu e conquista o primeiro título.

 

Em um dia chuvoso em Belo Horizonte, mais de 15 mil corredores participaram da 18ª edição da Volta Internacional da Pampulha, que aconteceu em um dos principais pontos turísticos da capital.

A prova teve homenagem as vítimas do voo da LaMia, que levava jogadores e dirigentes da Chapecoense e também jornalista, onde teve um minuto de silêncio e após a torcida deu uma salva de palmas as vítimas.

Esse ano, assim como as últimas quatro edições, o mineiro Giovani do Santos completando a prova em 52m53s, onde liderou a prova deste os 10km, a poucos segundos do recorde que é 52m23s, conquistado em, 2009 pelo queniano Lawrence Kiprotich.

Já entre as mulheres, não foi desta vez que houve a vitória de uma brasileria, que só ficou em 2° lugar com Joziane chegando 19 segundos depois, de Angelina campeã da prova com a maca de 1h02m04s.

“Me dedico muito aos treinamentos, com o apoio do meu treinador, e estou sempre concentrado. Sem falar do apoio da torcida, que ajuda muito. Soube sair no momento certo e consegui vir até o final em primeiro”, disse ele após a prova e encerrou: “Estou trabalhando muito e fazendo coisas diferentes para buscar os resultados. Faremos isso também para a São Silvestre, querendo fazer uma boa apresentação. Quero deixar um abraço e mandar esta vitória para todos e também seus familiares. Chapecó este título é para você”.

Resultados:
Masculino
1) Giovani dos Santos (BRA), 52min55seg
2) Paul Kimutai (QUE), 53min15seg
3) Augustine Sulle (TZA), 53min34seg
4) Mathew Cheboi (QUE), 53min45seg
5) Eluya Sidame (TZA), 53min47seg

Feminino
1) Angelina Tsere (TZA), 1h02min04seg
2) Joziane Cardoso (BRA), 1h02min23seg
3) Leah Jerotich (QUE), 1h02min31seg
4) Valdilene Silva (BRA), 1h03min35seg
5) Andeia Hessel  (BRA), 1h03min38seg

comentários