Os dois times lutaram bravamente até o último arremesso que acabou tando Minas.

• atualizado em 29/11/2017 às 18:53  

É até difícil escrever sobre o que aconteceu na noite desta terça-feira (28/11) na Arena MTC. Para começar, pode-se dizer que foi um verdadeiro teste para cardíaco para os 638 torcedores que acompanharam Minas e Caxias do Sul, em jogo válido pela quinta rodada do Novo Basquete Brasil (NBB) 2017/18. Próximos na tabela de classificação, a vitória era fundamental para os dois lados. Em quarto, o Minas queria continuar no G-4. Em quinto lugar, o Caxias desejava superar o adversário mineiro e conquistar um lugar entre os quatro primeiros colocados. E não faltou emoção. Os dois times lutaram bravamente até o último arremesso.

A partida começou com o Minas melhor no primeiro tempo, mas o Caxias reagiu e tomou a liderança na segunda etapa. Os gaúchos lideravam o confronto quando o relógio marcava menos de um minuto para o fim do jogo. Nesse momento, as bolas de três pontos de Gegê e Audrei colocaram a equipe mineira na partida. A três segundos do fim, quando o Minas perdia por três pontos de diferença, Gegê sofreu falta atrás da linha de três pontos. O camisa 19 converteu todos os lances livres, empatou o jogo e forçou a prorrogação.

Nos cinco minutos do tempo extra, o jogo foi ainda mais tenso. As equipes se alternavam na liderança. Porém, nos últimos segundos, Gegê arremessou de três e deu a liderança ao Minas. O técnico Flávio Espiga orientou a defesa da equipe mineira, que não podia fazer falta no último ataque do Caxias. Alex arremessou, a bola tocou o aro, não caiu e o Minas venceu um dos jogos mais emocionantes do NBB 2017/18 por 86 a 84 (22/20, 22/13, 17/22, 16/22 e 9/7).

O Minas volta a jogar pelo NBB na próxima segunda-feira (4/12), quando recebe, novamente na Arena MTC, às 19h, o Joinville/AABJ. A partida vale pela sexta rodada do NBB.

O cara

O nome da partida foi o armador Gegê. A bola de três pontos do camisa 19, a segundos do fim do confronto, deu a vitória ao Minas diante do Caxias. O armador marcou 14 pontos, pegou seis rebotes e deu seis assistências.

Jogaram muito

Rush (ala) – 16 pontos e nove rebotes.
Wesley (pivô) – 20 pontos, três rebotes e quatro assistências.
Roquemore (ala/armador) – dez pontos, oito rebotes e cinco assistências.
Teichmann (ala/pivô) – oito pontos, quatro rebotes e seis assistências.

Com a palavra

“Emocionante. Teve muita dificuldade, o time de Caxias nos colocou em muitas situações difíceis, trocando a marcação. Mérito da equipe de Caxias, mérito nosso também, a gente sempre acreditou, mesmo fazendo algumas bobagens, mas isso é do jogo do basquete. Erramos um pouco mais, temos que trabalhar isso para o próximo jogo. Estou bastante feliz, emocionado com essas coisas que acontecem no esporte. Viradas difíceis, situações difíceis… Eu estou muito emocionado, as palavras e o raciocínio estão fugindo. Parabéns para os meninos” – técnico Flávio Espiga.

“O que eu tenho para falar é dar parabéns ao time, pela força que tem. No começo, a gente abriu uma diferença, mas Caxias soube aproveitar o jogo. Deram o bote no momento que era importante. Mas o time teve tranquilidade, frieza. No final, o Minas soube fechar. Isso mostra a confiança que cada um tem no outro. Teve bola do Audrei, do Evan, bola minha. A gente fica muito feliz, nosso time tem muito o que melhorar. Hoje a bola do jogo foi minha, mas amanhã vai ser de outro” – armador Gegê.

Ficha técnica

Minas: Gegê, Roquemore, Rush, Teichmann e Wesley.
Entraram: Jefferson, Lelê, Big, Augusto, Mosso e Audrei.
Técnico: Flávio Espiga.

Caxias do Sul: Alex, Cauê B., Cauê V., Marcão e Paranhos. 
Entraram:
 Pedro, Nandão, Cafferata e Buboltz.
Técnico: Rodrigo Barbosa.

Árbitros: José Carlos Pelissari, Fabio Kover e Luiz Felipe De Oliveira Silva.

Público: 638 torcedores.

Desafio do bem
A participação da torcida no jogo foi muito importante. Não só para os atletas, mas também para quem estava fora das quadras. Durante a partida, os torcedores participaram do Desafio do Bem. Uma bicicleta ergométrica da Life Fitness foi instalada na Arena. O torcedor pedalou e ajudou o Instituto Mário Penna, que, por ano, atende mais de 300 mil pacientes com câncer. A quilometragem atingida pelos torcedores (38km) é equivalente à porcentagem da bilheteria arrecadada (38%) e que será doada ao Instituto. A ação faz parte da campanha Novembro Azul, do Instituto Mário Penna em parceria com o Minas Tênis Clube, e visa chamar atenção para a prevenção do câncer de próstata, segundo tipo de câncer que mais mata homens no Brasil. A ação teve o apoio do Minas Tênis Clube e da Life Fitness, patrocinadora do time de basquete do Minas.

#maisqueumjogo
Basquete e Pizza
Quem acompanhou o jogo do Minas participou do Life Fitness Basketball Experience. Ao chegar para a partida, o torcedor recebeu um voucher da pizzaria Dona Margherita, e o valor pago no ingresso poderá ser revertido em desconto na pizza da Donna Margherita. Para ganhar o desconto, é necessário apresentar o voucher e o ingresso do jogo na pizzaria. A promoção é válida de segunda a quarta-feira, durante o NBB 10. Será aceito apenas um

voucher promocional para cada pizza.

Torcida Minas Storm
Os torcedores minastenistas podem assistir aos jogos do Minas nos melhores lugares da Arena! Para fazer parte da torcida mais vibrante do Brasil, basta se cadastrar aqui.

Os torcedores cadastrados devem apresentar a carteira de identidade no dia do jogo para ganhar uma camisa da Torcida Minas Storm. Serão contemplados os cem primeiros que chegarem à Arena em cada rodada.
Cadastre-se e venha torcer conosco por uma das equipes de basquete mais tradicionais do Brasil! Juntos somos mais fortes! #MinasStorm

Novo Basquete Brasil (NBB) 2017/18
7/11 – Minas (82 x 81) Vasco da Gama – Arena Minas Tênis Clube
14/11 – Campo Mourão (69 x 77) Minas – Campo Mourão (PR)
16/11 – Paulistano/Corpore (93 x 86) Minas – São Paulo (SP)
25/11 – Minas (74 x 56) Botafogo – Arena Minas Tênis Clube
28/11 – Minas ( x ) Caxias do Sul – Arena Minas Tênis Clube
4/12 – 19h – Minas x Joinville/AABJ – Arena Minas Tênis Clube
18/12 – 20h – Flamengo x Minas – Rio de Janeiro (RJ)
21/12 – 20h10 – Franca Basquete x Minas – Franca (SP)
23/12 – 18h – Bauru Basket x Minas – Bauru (SP)
5/1 – 19h – Minas x Liga Sorocabana – Arena Minas Tênis Clube – Twitter da LNB
7/1 – 11h – Minas x Mogi das Cruzes/Helbor – Arena Minas Tênis Clube
10/1 – 19h – Minas x EC Pinheiros – Arena Minas Tênis Clube
14/1 – 20h – Universo/Vitória x Minas – Salvador (BA)
16/1 – 20h30 – Solar/Basquete Cearense x Minas – Fortaleza (CE)

comentários