Agora é a final! Coelho despacha o Red Bull e garante vaga na 2ª fase da Copa do Brasil

Depois de empatar o primeiro jogo por 1 a 1, Coelho derrota o Red Bull Brasil-SP por 3 a 2 e garantiu a classificação para a segunda fase da competição.

 

Autor do terceiro gol, Osman garantiu a classificação americana no Independência – Foto: Doug Patrício

Autor do terceiro gol, Osman garantiu a classificação americana no Independência – Foto: Doug Patrício

Forte no Independência! Assim está o América em 2016. Invicto no estádio desde setembro do ano passado, o time alviverde fez mais uma vítima no local, desta vez na Copa do Brasil 2016. Depois de empatar o primeiro jogo por 1 a 1, a equipe americana derrotou o Red Bull Brasil-SP por 3 a 2 e garantiu a classificação para a segunda fase da competição. Os gols foram marcados por Alison, Borges e Osman. Edmilson e Willian Magrão descontaram para os paulistas.

Após eliminar o Red Bull na Copa do Brasil, agora o Coelho foca 100% na final do Campeonato Mineiro 2016, outra grande objetivo americano no início desta temporada.  Voltar a ganhar o estadual é um grande sonho do América, a última conquista foi em 2001  e sobre o próprio Atlético. O primeiro jogo da decisão será neste próximo domingo, dia 1º de maio, às 16h, no Independência. Já a partida de volta será no outro domingo, dia 8, às 16h, no Mineirão.

Na final do Mineiro, o Coelho terá que reverter mais uma veza vantagem do adversário. Assim como na semifinal em relação ao Cruzeiro, a vantagem de jogar por dois resultados iguais é do rival Atlético, que se classificou em melhor colocação na primeira fase.

O América ainda não tem data definida para volta a campo pela Copa do Brasil, mas o adversário da segunda fase já está definido e será o Bahia. Mineiros e baianos se encontrarão na competição dois anos depois. Em 2014, Coelho e Bahia também se encontraram na segunda fase e naquela oportunidade os baianos levaram a melhor.

O jogo

Gol relâmpago

O América começou com ritmo muito forte a partida contra o Red Bull e rapidamente já abriu o placar no Independência. No primeiro minuto, o zagueiro Alison aproveitou cobrança de escanteio e marcou de cabeça para colocar o time alviverde na frente e fazer a festa de sua torcida no Independência. O Coelho dominou o primeiro tempo e teve chances de ampliar o placar, mas não aproveitou. O jogo que parecia fácil, acabou ganhando tensão no final.

Coelho amplia

O América voltou para a etapa final tentando matar o jogo logo no início e conseguiu o seu segundo gol. Aos 3 minutos, Borges aproveitou cruzamento na área, subiu mais alto que a defesa e desviou de cabeça para o fundo do gol. Foi o primeiro gol dele com a camisa americana. A classificação parecia garantida, mas a facilidade transformou em dificuldade no final do jogo.

Red Bull Brasil-SP põe fogo no jogo

O Red Bull não se entregou no jogo mesmo com a desvantagem de dois gols e conseguiu descontar o marcador. Pouco depois do segundo gol americano, Edmilson apareceu bem na área e de cabeça marcou o primeiro dos paulistas. O empate por 2 a 2 ou mais gols classificaria os paulistas. Por isso tudo continuava aberto no Independência.

Apesar disso, Coelho novamente ganhou tranquilidade com o gol de Osman aos 20 minutos, depois de boa jogada e chute forte na área pela direita. Mas, aos 37, o Red Bull voltou a descontar com bela falta cobrada por Willian Magrão, sem chances para João Ricardo.

Com mais um gol, os paulistas se classificariam e eliminariam o América. A tendência era muita tensão e drama no final do jogo. Apesar da luta do Red Bull, o Coelho conseguiu se segurar e garantiu a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil.

Ficha técnica do jogo:

AMÉRICA 3 X 2 RED BULL BRASIL-SP

Motivo: 2º jogo da 1ª fase da Copa do Brasil 2016
Data/horário: 28/04/2016, quinta-feira, 19h15
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG).
Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)
Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Lehi Sousa Silva (DF)

Gols: Alison (AME), 1min 1ºT, Borges (AME), 3min 2ºT, Edmilson (RED), 6min 2ºT, Osman (AME), 20min 2ºT, Willian Magrão (RED), 37min 2ºT

Cartões amarelos: Osman e Bryan (América); Maylson (Red Bull Brasil)

América: João Ricardo; Pablo, Alison, Sueliton e Bryan; Ernandes, Claudinei (Leandro Guerreiro), Tony (Danilo) e Osman; Tiago Luís (Matheusinho) e Borges. Técnico: Givanildo Oliveira.

Red Bull Brasil: Saulo; Everton Silva, Anderson Marques (Vitor Hugo), Diego Sacoman e Willian Rocha (Renan); Willian Magrão, Nando Carandina e Maylson; Willie (Hiago), Misael e Edmilson. Técnico: Maurício Barbieri.

Por 

comentários