O atleta, que desde 2014 defende o Coelho, tem neste ano a menor média de gols sofridos pela equipe, com 0,73.

 

Referência no América Mineiro, o goleiro João Ricardo vive em 2017 uma de suas melhores temporadas pelo clube. O atleta, que desde 2014 defende o Coelho, tem neste ano a menor média de gols sofridos pela equipe, com 0,73. O arqueiro acumula nesta temporada em 40 jogos 29 gols.

Os números comprovam o ótimo momento do goleiro que, além de ter a defesa menos vazada na Série B, tem desempenho entre os melhores do Brasil. Considerando a primeira e a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, João Ricardo aparece na segunda posição como o goleiro que mais saiu de campo sem sofrer gols. Atrás apenas de Cássio, do Corinthians, que possui 14 jogos no Brasileirão sem ter a rede balançada, está o goleiro do América Mineiro, ao lado de Vanderlei, do Santos, acumulando 12 partidas sem gol.

Feliz com o desempenho na temporada, João Ricardo comemora os bons números e valoriza o fato de estar entre grandes nomes do futebol nacional. “Sem dúvidas é motivo de muito orgulho para mim esses números tão positivos. Além disso, é muito legal ver meu nome ao lado de grandes goleiros do Brasil. Tudo isso é fruto de muito trabalho e dedicação diária, não só minha como da comissão técnica, preparador de goleiros e claro, de todo o grupo que vem fazendo uma grande campanha no campeonato. Sem todas essas pessoas certamente não conseguiria resultados tão significativos”, destacou o atleta de 28 anos.

Na vice-liderança da Série B com 41 pontos, um a menos que o líder Internacional, o América terá praticamente duas semanas para se preparar e recuperar a ponta da tabela. “Temos agora esse período maior e vamos aproveitar da melhor maneira possível, trabalhando muito para seguir nesse ritmo até o fim da competição. Claro que a liderança é algo que nos interessa, mas nosso foco é garantir o acesso o quanto antes”, concluiu.

A próxima partida do time mineiro acontece só no dia 08 de setembro, às 21h30 no Mangueirão, contra o Paysandu.

comentários