Menino de cinco anos estava internado em estado grave em Belo Horizonte; além das 9 crianças, uma professora e o criminoso morreram no ataque.

• atualizado em 09/10/2017 às 11:40  

Uma das crianças internadas desde o incêndio criminoso da creche Gente Inocente, em Minas Gerais, morreu na madrugada desta segunda-feira, 9. Mateus Felipe Rocha Santos, de cinco anos, era atendido no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte.

SAIBA MAIS

Professora que lutou e morreu no incêndio já tinha perdido filho por afogamento
Chega a 10 o número de mortes em tragédia em creche de Janaúba; 8 são crianças
Feridos em creche estão hospitais de Belo Horizonte e em outras cidades de Minas
Sedese e Servas intensificam auxílio às famílias das vítimas da tragédia em Janaúba

Ele faleceu por volta das 4 horas da manhã, conforme a assessoria da Prefeitura de Janaúba, onde aconteceu a tragédia. Até então, o menino estava estabilizado em estado grave, segundo boletim médico.

Mateus é a 10ª vítima fatal – a 9ª criança – do ataque da manhã de quinta-feira, 5, na cidade do norte de Minas Gerais. Uma professora faleceu, com mais de 90% do corpo queimado, ao tentar resgatar os alunos.

Com o vigia Damião Soares dos Santos, que ateou fogo na creche, o total de mortos chega a 11. Mais de 20 feridos permanecem internados em hospitais de Janaúba, Montes Claros e Belo Horizonte. O estado de ao menos 12 deles é considerado gravíssimo.

comentários