Grupo envolvido com tráfico de drogas é preso em Santo Antônio do Amparo

Polícia desarticulou um grupo criminoso envolvido com o tráfico de drogas que atuava na cidade do Centro-Oeste.

 

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), no sábado (30/12), desarticulou um grupo criminoso envolvido com o tráfico de drogas que atuava na cidade de Santo Antônio do Amparo, no Centro-Oeste de Minas. Foram presos Maycon Robson Mercês Rodrigues, Érico Roberto Barbosa, Lidiane Cristina Santos e Quelisson Paulo De Oliveira, que estavam sendo investigados desde 2016.

A PCMG abordou, inicialmente, Érico e Maycon em um veículo VW/Gol que transitava na BR 381. No automóvel, os policiais apreenderam três pinos de cocaína e oito buchas de maconha, além da quantia de R$ 430 em dinheiro. Em seguida, a Polícia conseguiu localizar Quelisson e Lidiane, esposa de Érico, que estavam em um táxi na cidade de Bom Sucesso. Na bolsa da suspeita foram encontradas outras seis frações de cocaína.

De acordo com o Delegado que investiga o grupo, Leandro de Prada, há alguns meses os presos se mudaram para a cidade de São Paulo (SP), pois estavam cientes que figuravam como investigados em procedimentos em tramitação junto à Delegacia de Bom Sucesso, bem como temiam ser mortos por grupo criminoso rival, oriundo da cidade de Bom Sucesso/MG, do qual participa Isaias do Santos Silva.

Isaias foi preso preventivamente pela PCMG no dia 20 de dezembro de 2017, apontado nas investigações como sendo um dos autores do homicídio praticado contra a vítima Igor Luiz De Souza Amaral, no dia 31 de agosto de 2017, e contra Caio Rodrigues Santos, no dia 1º de outubro do ano passado, ambos na cidade de Bom Sucesso/MG, Além disso a PCMG apura a participação de Isaias em outros dois homicídios tentados, um deles cometido contra Érico.

Outra prisão
Ainda no sábado (30/12), policiais civis prenderam em flagrante, em Santo Antônio do Amparo, Otávio Augusto Queiroz, que ao ter o veículo revistado teve apreendido uma arma de fogo tipo pistola calibre 40, de uso restrito, bem como algumas frações de droga.

O suspeito foi reconhecido como sendo autor do roubo praticado contra um posto de gasolina na cidade de Bom Sucesso, no dia 28 de dezembro de 2017, sendo ainda arrecadada com ele uma folha de cheque preenchida no valor de R$ 300 e a quantia de R$ 57 em dinheiro, subtraídos do estabelecimento naquela ocasião.

O preso irá responder pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e posse de drogas para consumo, além de roubo majorado pelo emprego de arma de fogo.

comentários